LIBMAN & APIBOI - Não se repita

O quadrinho abaixo faz parte da série "Nerdson não vai à escola", criada por Karlisson Bezerra, e retrata o terror de trabalhar num sistema sem o uso de DRY. Ruby on Rais, simples por natureza, não é apenas um agradável framework para uma agradável linguagem, mas também nos ajuda a escapar do terror da verborragia. Na sequência, os cometários do criador.

DRY code (Don’t Repeat Yourself) é uma boa prática de programação (também podemos chamar de design pattern) que evita duplicidade de código. O bom desenvolvedor não vai copiar e colar trechos de código por todos os lados, porque sabe que mais cedo ou mais tarde aquele trecho de código deverá ser alterado, e assim suas "cópias" pelo sistema também deverão. Isso significa retrabalho, perda de tempo, e nos piores casos, erros estranhos e insolucionáveis. smile

Destaque para alguns trechos interessantes do artigo citado acima:

"Um exemplo de sistema que duplica informação é o Enterprise Java Beans. EJBs requer duplicação de informação não apenas no código Java como nos arquivos de configuração."

"Um exemplo de sistema que tenta reduzir informação duplicada é o ambiente de desenvolvimento de aplicações Ruby on Rails."

Niiice!


Leia também: DesenvolvendoEmRubyOnRails
Topic revision: r1 - 05 Jul 2008, UnknownUser
This site is powered by FoswikiCopyright © by the contributing authors. All material on this collaboration platform is the property of the contributing authors.
Ideas, requests, problems regarding Wiki-Colivre? Send feedback