.
Aurium.Colivre.Coop.br Esse site é Legal Demais para Internet Explorer

Aurium :: Sobre Vegetarianismo

O que é ser vegetariano, tipos de vegetarianos e por que mudar.

Últimas blogadas:

HeadlinesPlugin ERROR: 403 Forbidden
Cirandas.net



Sou vegetariano desde o final de 2003 e Vegano desde 9 de outubro de 2008, após assistir a palestra de Gary Francione. Iniciei meu envolvimento com esse modo de vida exclusivamente pela saúde, mas só me tornei realmente vegetariano quando dei a devida importância à relação ética com os animais não humanos.

Me senti bem por 5 anos, por não ser mais diretamente responsável pela morte de animais, mas eu ainda usava ovos e derivados do leite, que exigem a escravidão e abuso dos animais, sem contar que (dentre outras barbaridades) bezerros (os filhotes que viabilizam nossos laticinios) são mortos e vendidos como vitela (um nome mais vendável que bebê, tratado de forma que a máfia se envergonharia) para viabilizar o processo de produção.

Faço parte de um grupo, cada vez maior, de pessoas que diminuem o estímulo sócio-econômico que causa dor e outros tipos de sofrimento a seres senciêntes.


Intro

Torne-se Vegetariano
Eles não querem morrer. e você sabe disso.

É preciso se desfazer dos preconceitos. Talvez você pense que ser vegetariano é difícil porque seu cardápio é restrito... não... o difícil na vida de um vegetariano é ter que suportar as mesmas frases toda vez que uma nova pessoa sabe sobre sua escolha. Existe uma forte ruptura cultural na simples escolha de retirar a carne do prato. Isso não significa que seu prato se torna mais pobre, muito pelo contrário, mas trará questinamentos em todas as culturas acostumadas a milhões de anos de uso da carne como fonte de nutrientes e doenças. Entender o vegetarianismo não será tão simples quanto entender as bases de uma dieta qualquer e sem vontade de entender, o conformismo com tudo o que nossa espécie faz vencerá... facilmente.

Principais Variantes Vegetarianas

Ovo-Lacto-Vegetarianismo
WikipediaOutras Informações na Wikipedia

Esse é o modelo alimentar onde me encaixei por praticamente 5 anos. Um ovo-lacto-vegetariano não tem problemas em (quase) lugar nenhum, apenas não coloca carne no prato e tudo bem. "Mas você não come nada!" Já ouvi esse abssurdo algumas vezes. Logo eu que como até papel com desenho... Existem milhares de outras opções no cardápio enquanto você tira só a carne. Além de muito mais saúde, você também inicia um relacionamento um pouco mais respeitoso com os outros animais.

O ovo-lacto-vegetariano é o que finalmente retirou a carne do seu prato e é o tipo mais simples de vegetarianismo. Frango é carne! (donas de restaurante de esquina costumam não saber disso). Peixe é carne! Já viu peixe dar em árvore? Mas ainda assim algumas pessoas alegam (absurdamente) serem vegetarianas, mesmo "comendo um peixinho de vês em quando". Essa pessoa não é vegetariana, é ignorante.

Lacto Vegetarianismo
WikipediaOutras Informações na Wikipedia

Não conheço nenhuma pessoa que siga esta dieta, mas de acordo com o mestre DeRose, no livro "Alimentação vegetariana: chega de abobrinha." essa é uma dieta tradicional na Índia:
"Para a prática do Yôga, o melhor sistema alimentar é o lacto-vegetarianismo. É o que vem sendo utilizando tradicionalmente na Índia há milênios. Mesmo se assim não fosse, tem provado ser o sistema ideal para o SwáSthya Yôga."

A diferença para o modelo anterior é o que está óbvio no nome, além da carne esse grupo retirou o ovo do cardápio também. O leite não é um alimento tão bom quanto a indústria de laticínios prega, mas ele está no cardápio deste grupo principalmente pelo uso do yogurte (esse derivado é muito mais saudável).

Veganismo
WikipediaOutras Informações na Wikipédia

Esse é o grupo onde me encaixo. Nos grupos anteriores, não se espera que a pessoa tenha uma relação filosófica com sua alimentação. Antes a escolha da alimentação não tinha necessariamente uma base ideológica ética, muitas vezes é uma escolha baseada apenas na vontade de ter uma alimentação saudável.

As pessoas deste grupo, os vegans, escolheram não violentar animal algum, de forma alguma. O vegan por isso não se alimenta de nada de origem animal, nem o mel que não é citado nos nomes dos outros grupos, por que isso significaria, no mínimo, obrigar as abelhas a reconstruir sua colméia. O vegan não veste produtos de origem animal pois isso também depende da morte de uma animal (na prática, o assassinato de um animal). A sua relação com outros animais, domésticos ou não, também tem uma forte consciência ética, tornando essa relação uma parceria, onde a liberdade do animal é garantida. Os animais são companheiros que não podem ser tratados como utensílios, brinquedos ou bibelôs.

Quer uma orientação para entrar no veganismo? A ONG Gato Preto produziu uma cartilha chamada "Primeiros Passos para o Veganismo". Eu recomendo!

Tenho bons amigos que fazem parte deste grupo. smile

Crudivorismo
WikipediaOutras Informações na Wikipedia

Esse grupo de vegetarianos tenta se alimentar de uma forma mais natural e aproveitando ao máximo os alimentos. Eles não cozinham os alimentos pois essa prática tira muitos nutrientes importantes.

Os crudivoros comem as coisas do jeito que veio do mercado? Que droga! Não... Existem muitas receitas crudivoras. Existem outras formas de transformar e mesclar alimentos de forma não destrutiva e fazer pratos interessantes. Uma técnica muito uasada na transformação de alimentos é a desidratação.

Frugivorismo
WikipediaOutras Informações na Wikipédia

Esse grupo atingiu o ápice do relacionamento ético com os outros seres vívos. Estas pessoas não sofrem mais com contradições na busca pela não violência (pelo menos na alimentação).

Essas pessoas se alimentam exclusivamente de frutas e grãos, de preferência pegos num momento em que não causem mal a planta.

Conheci uma senhora que vivia oscilando entre o veganismo e o frugivorismo. A outra pessoa mais próxima de mim com essa escolha era a esposa de um professor. Não conhecia ela, e com ele falei apenas 2 vezes.

Macrobiótica
WikipediaOutras Informações na Wikipedia

Ao saber que alguém é vegetariano, uma frase muito comum é: "Ah! Você é Macrobiótico.", essa vem logo em seguida de "Hum... Natureba!" no ranking de frases.

Macrobiótica não é Vegetarianismo, apesar de alguns macrobióticos serem vegetarianos. A Macrobiótica é um movimento filosófico com preceitos morais e alimentares vindos do Japão. Ou seja, enquanto o vegetarianismo se adapta a culinária d'onde a pessoa está inserida, a Macrobiótica redefine totalmente o cardápio da pessoa para algo mais nipocêntrico (se isso é bom ou ruim, já é uma outra questão). Apesar da Macrobiótica ser muito regrada e restritiva, ela aceita o uso de peixes na dieta, por isso não pode ser classificada como dieta vegetariana.

Agumentos Pró-Vegetarianismo

Não pretendo refazer o discurso que tantos já fizeram, aqui estão alguns links para encontrar bons arguimentos pró vegetarianismo:

É fortemente recomendável ler o folheto Porquê Vegan? (traduzido do clássico "Why Vegan?")

Para saber mais sobre vegetarianismo na visão de um mestre yogue de saco cheio com bobagens preconceituosas, leia o livro "Alimentação vegetariana: chega de abobrinha." Demolindo as falsas imagens sobre o vegetarianismo.

Leia os 21 Motivos Para Ser Vegetariano do Dr. Vernon Coleman.

Veja no link abaixo, como é feita a Carne de Vitela ou Baby-Beef e veja a que ponto pode chegar o abuso humano em prol de suas vontades egoístas.
Wikipedia Wikipedia.org: Baby-Beef

Albert Einstein Você sabia que Albert Einstein, Thomas Edison e Leonardo da Vinci eram vegetarianos? Pois é... e tem mais:

Carl Lewis Você acha que vegetarianos não assimilam proteína suficiente para serem atletas?
Então veja uma lista de atletas vegans e suas conquistas.

Trecho de um artigo na Swisscam, revista da Câmara de Comércio Suíço-Brasileira:

No Brasil, os rebanhos já contabilizam 200 milhões de cabeças e a pecuária ocupa mais de 250 milhões de hectares, quase um terço do território nacional! Florestas e cerrados são devastados para formar pastos e grandes monoculturas de grãos, posteriormente destinados a virar ração.

No Brasil, segundo o Instituto CEPA, um boi precisa de um a quatro hectares de terra e produz, em média, 210 kg de carne, no período de quatro a cinco anos. No mesmo tempo e na mesma quantidade de terra, produz-se, em média:

Faltou citar também o enorme uso de água... Veja o infográfico:
desperdicio da carne

Agumentos Anti-Vegetarianismo

Quase a totalidade dos argumentos contra o vegetarianismo são falaciosos, como eu disse na introdução, isso é um embate com uma cultura de milhões de anos. Citarei aqui algumas das falácias e minha humilde opinião contrária a elas.

"Não podemos nos alimentar da celulose como outros animais, por isso existe uma limitação organica que nos impede de sermos vegetarianos."
Essa frase eu lí a anos atraz num fórum. Foi dita por alguém que se dizia médico... Afff... Naturalmente, levou um pau de outros participantes do fórum, aguns inclusive eram nutricionistas. Mas se fosse só essa pessoa tudo bem... o caso é que vez em quando alguém me vem com essa. O caso é que celulose é açucar (falando de forma mais simples). E pra que eu quero assimilar ainda mais açucar? Nossa cultura alimentar já nos empurra muito mais açucar e sal do que o nosso corpo precisa.

"Um leão não levaria em conta meu sofrimento."
  1. Leão tem esse nível de discernimento?
  2. Você acredita mesmo que você vive dentro das regras de uma cadeia alimentar natural?
  3. Que noção absurda de justiça é essa que te dá poderes de matar outros seres pela possibilidade de ser morto por um? Um humano poderia te matar tb... e isso é muito mais provável.

"Se todos virassem vegetarianos não teriamos como plantar tantos alimentos."
Enorme engano (Além de ser uma péssima desculpa pra não fazer a sua parte). Na verdade é justamante o contrário. Já plantamos muito e gastamos muita água para alimentar animais para abate. Isso além de dispendioso também gera graves problemas ecológicos. Muito do que os animais consomem acaba se perdendo durante o desenvolvimento, não é óbvio? Também existe o que é disperdiçado no tratamento com os animais, o que não é aproveitável e o que os humanos disperdiçam antes de comer. Um mundo de vegetarianos teria espaço e investimento para muito mais plantações orgânicas... se dá pra pensar em todos veganos, então dá pora pensar em todas as plantações orgânicas também. smile

Torne-se vegetariano e some peso no mercado para que existam cada vez mais opções vegetarianas. E, quem sabe, um dia poderemos ser veganos. wink

Algumas Frases

"Se os matadouros fossem de vidro, todos seriam vegetarianos"
Paul e Linda McCartney

"Eu temo pela minha espécie quando penso que Deus é justo."
Thomas Jefferson

"Você acabou de jantar, e por mais que o matadouro esteja escrupulosamente longe dos olhos à quilômetros de distância, ainda haverá cumplicidade."
Ralph Waldo Emerson

"A maneira pela qual criamos animais para alimento é uma ameaça ao planeta. Isso polui o ambiente e consome imensa quantidade de água, grãos, petróleo, pesticidas e drogas. Os resultados são desastrosos."
Dr. PhD David Brubaker, Center for a Livable Future (Centro por um Futuro Sustentado)

para os animais todos os humanos são nazistas

Vídeos e Animações


origem Associação Vegetariana Portuguesa

Assista filmes curtos produzidos pelo grupo People for the Ethical Treatment of Animals no PETA TV

Em especial:

Play Super Chick Sisters!

DiggThis O que é ser vegetariano, tipos de vegetarianos e por que mudar.

Copyright © 2004 - 2018 Aurélio A. Heckert
Conteúdo licenciado sob Creative Commons by-nc-sa